Saiba Como Captar Recursos Para O Seu Negócio

Os investimentos fixos são essenciais para abrir uma empresa. Contudo, nem sempre o empreendedor tem o valor necessário. Se esse é o seu caso, saiba que vamos explicar, neste artigo, como captar recursos para o seu negócio. Confira!

Ter uma boa ideia é algo essencial para abrir uma empresa, mas só a ideia não basta. Para que a empresa possa, de fato, prosperar, você precisará de recursos financeiros. Eles, os investimentos fixos, são fundamentais para realizar as primeiras aquisições de materiais, equipamentos, contratações, e também para fazer o negócio crescer.

Infelizmente, a captação de recursos para investir é um dos dilemas que muitos empreendedores enfrentam. Justamente por isso decidimos listar algumas alternativas. Continue lendo este artigo até o fim e entenda como e quando captar recursos para o seu negócio!

Seu negócio realmente precisa captar recursos?

Abrir a empresa ou fazer com que ela expanda. Esses dois fatores fazem com que muitos empreendedores procurem recursos externos. Contudo, é precisa ir com calma.

Imagine contratar um empréstimo e, em seguida, descobrir que ele não era necessário? Certamente, isso causaria muitos prejuízos. Sendo assim, é essencial entender se seu negócio realmente necessita de recursos. Como? O primeiro passo é entender a diferença entre empréstimo e financiamento.

Financiamento: o recurso do financiamento é solicitado para algo específico. Por exemplo, a empresa pode solicitá-lo para comprar novos equipamentos.

Empréstimo: o valor solicitado é livre para ser usado para diversos fins. Por exemplo, a empresa pode usar o recurso para aumentar seu estoque, modernizar seus equipamentos etc.

Agora que você sabe a diferença entre empréstimo e financiamento, será necessário verificar alguns pontos antes de recorrer a um dos dois. Você sabe o que gerou seu desequilíbrio financeiro? Quais são os fatores que geraram sua dificuldade de controlar os recursos?

Caso você não saiba, é interessante verificar aos dados do controle do fluxo de caixa. Eles permitirão entender quais erros foram cometidos para que sua empresa esteja em déficit financeiro.

Ao compreender os erros, o empreendedor poderá verificar quais tipos de medidas podem ser colocadas em prática para minimizar os problemas ou até mesmo resolvê-los sem a necessidade de financiamento ou empréstimo.

Algumas soluções para problemas financeiros podem ser conquistadas por meio de conversa com os fornecedores, ajustes dos processos de produtos/serviços e redução de gastos da empresa.

Preciso captar recursos, o que fazer?

Pode ser que você já tenha tentado resolver seus problemas financeiras por meio de outras medidas, como as mencionadas acima, e não tenha obtido um retorno positivo. Nesse caso, captar recursos pode ser, de fato, uma boa ideia. Dito isso, vamos ao que interessa saiba como captar recursos para o seu negócio!

Planeje a captação de recursos

Antes de apresentar as opções, é precisa lembrar que, para realizar a captação, o empreendedor precisará de um bom planejamento. Será necessário, por exemplo, verificar os recursos disponíveis para o pagamento mensal do empréstimo ou financiamento.

Ademais, durante o planejamento, é recomendado ler e se inteirar sobre todo o processo de captação de recursos junto às instituições financeiras.

Outra questão relevante para desenvolver o planejamento é responder algumas perguntas, como: para quê quero o recurso? Onde eles serão utilizados? Quanto de dinheiro preciso? Como as parcelas do empréstimo serão pagas?

Saiba se seu negócio tem 5cs

Você precisa saber se o seu negócio tem os requisitos para acessar o crédito disponibilizado por instituições financeiras. Para isso, será necessário verificar se ele tem os 5 cs do crédito. Abaixo explicamos cada um.

Capacidade: você precisa verificar se sua empresa tem capacidade de pagar os recursos solicitados. Também será necessário avaliar o quanto de endividamento ela suporta.

Caráter: as instituições realizarão uma análise para verificar se seu negócio, de fato, tem credibilidade no mercado e se tem predisposição para pagar o empréstimo. Desta forma, é interessante que sua empresa não tenha muitos endividamentos e também tenha uma boa nota como pagadora.

Condições: para que o empréstimo seja realmente um sucesso, a empresa precisa entender todo o seu contexto externo e interno. Diante disso, ela poderá usar os recursos com muito mais segurança.

Colateral: quais são os ativos que seu negócio tem para oferecer como garantia do empréstimo? É essencial saber a informação, pois proporciona mais segurança para o seu negócio.

Capital: você deve analisar todo o seu patrimônio. Esse ponto é fundamental, pois ele será verificado pelas instituições para aprovação do crédito.

Conheça as fontes de financiamento

Para solicitar os recursos necessários, você deverá conhecer quais são as fontes de financiamentos disponíveis no mercado. A informação permitirá que você possa escolher uma que, de fato, proporcione benefícios para o seu negócio.

Fundo de investimento: são grupos de pessoas jurídicas que investem em empresas com alto potencial de sucesso e que têm um modelo de negócio inovador. Elas oferecem recursos em troca de uma participação acionária.

Investidor anjo: são pessoas fisicas que destinam recursos para empresas em estágio inicial de desenvolvimento. Eles ainda oferecem mentoria e proporcionam networking para o empreendedor.

Investimento coletivo: permite a captação de recursos por meio de plataformas online. Nesse caso, podem ser plataformas que conectam empreendedores com investidores ou até mesmo plataformas que captam recursos de pessoas físicas interessados em ajudar o negócio.

BNDES: permite um financiamento de longo prazo. Além disso, suas taxas são menores do que as praticadas por bancos tradicionais.

Sócio investidor: o socio investe no negócio e em troca recebe determinada quantidade de participação no lucro. Lembrando que nesse caso é necessário formalizar a sociedade perante à lei.

Subvenções: geralmente são divulgadas por meio de editais e não exigem retorno do capital investido. São destinadas às empresas inovadores e que proporcionam soluções de problemas sociais.

Por fim, vale lembrar que a gestão financeira dos recursos captados é algo indispensável. Afinal, eles precisarão gerar retornos rápidos para que a empresa possa pagar seus débitos.

Agora que você já sabe como captar recursos para o seu negócio, o que acha de entender a importância da contabilidade para desenvolver uma boa gestão financeira? Então entre em contato conosco vamos ajuda-lo a alcançar seus objetivos.

Política de comentários: adoramos comentários e agradecemos o tempo que os leitores gastam para compartilhar ideias e dar feedback. No entanto, todos os comentários são moderados manualmente e aqueles considerados spam ou exclusivamente promocionais serão excluídos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *